segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Sebastião Antônio Baracho (conanbaracho@uol.com.br)
Sexta-feira, 27 de novembro de 2009 às 13:32:48
Coronel Fabriciano MG


REGIME DE... VIVER!

Desde que cheguei à idade senil, porém, sem ser um velho decrépito e, apenas, um idoso com idiossincrasia no meu modo, empírico pessoal de ver e, sentir, reagindo com os eventos que chegam ao meu conhecimento, cotidianamente, passei a vislumbrar os acontecimentos de uma forma, às vezes, contrária às normas didáticas e, com Eles convivendo pacificamente.

É comum, a sociedade formar os seus membros, desde a sua nascença, com estribo nos ensinamentos vindo dos seus membros adiantados em anos, se baseando em aulas didáticas e/ou, empíricas, apreendidas pelos que ensinam aos mais jovens.

Esse mestrado é nobre e, formam os caracteres dos iniciantes neófitos no saber, para sobreviverem neste Vale de Lágrimas, sem os sofrimentos adjacentes.

Desde a minha juventude, o trabalho me forçou a pouco estudar didaticamente, todavia, tive e, tenho, uma ajuda mental que me leva a ser um Observador Analista de tudo o que me assedia, cercando as minhas tomadas de atitudes com as ponderações escolares, assim, utilizo a minha mente para, me baseando na vivência empírica, resolver os meus percalços do cotidiano.

Apresento, a seguir, alguns acontecimentos que me levaram a tomar decisões, às vezes, diferentes dos ensinamentos e determinações me dirigidos, a saber:

Me isolo de todos que não possam me ensinar algo útil e, honesto! (Bandidos, traficantes, ateus etc.), pois, Eles nada poderão me orientar para o Bom proceder.
Curei a minha visão, que um oculista determinara uma operação, apenas, olhando o sol pela manhã e, por 15 dias seguintes.
Apesar de só ter cursado o antigo primário, Criei 19 volumosos livros de assuntos diversificados (Poesias- Ficção estelar- Suspense policial etc.) e, não os publiquei por me faltar o maravilhoso metal, os colocando, gratuitamente, em álbuns, no Site: www.asminasgeraiscom.br

Fiz supletivo com méritos; Fiz curso de Escrivão de Polícia Civil, Sargento do Exército, sempre nos primeiros lugares de classificação.

Não considero, a ninguém, como meu inimigo, até uma prova em contrário, devidamente confirmada e, analisada a sua origem detalhadamente! O mesmo ocorrendo com as minhas amizades, pois, os amigos têm que serem, totalmente, desinteressados das benesses imerecidas, em troca da afetuosidade!

Trago o meu orçamento de gastos dentro do ponderável, em prol das minhas despesas e, dos meus dependentes! Só adquirindo algo, mesmo que premente, se poder quitá-lo adequadamente.

Amo a minha esposa, filhos, filhas, netos e, netas, sem cobrar nenhuma retribuição, por duas razões:

O amor não carece de recompensa!

Para sermos retribuídos temos que fazer a nossa parte meritória no envolvimento!

Por isso, não amo aos meus pela metade e, a totalidade de amor, os obriga a me recompensarem amorosamente!

Não vou a velórios e/ou, sepultamentos, pois, no meu modesto entender, quando a vida deixa o corpo que a envolvia, o espírito e/ou, alma, parte para a eternidade de destino, ficando, tão somente, a massa putrefata!

Assim, prefiro rezar pela alma que partiu e, visitar, depois, os seus familiares! Em contrapartida, também, não vou a nenhuma festa!

Todos os meus momentos de lazeres, se resume a:

- Assistir futebol pela TV;

- Jogar Pif-Paf com os amigos;

- Navegar pela Internet, porém, somente em coisas úteis e, educativas;

- Relacionar, carinhosamente, com a minha esposa, filhos, filhas, netos, genros e noras.

RESUMINDO: A nossa vida é uns emaranhados de acontecimentos diversificados, uns benévolos e, outros nocivos! O que precisamos é saber transitar entre Eles, com dignidade e, acerto ilibado, porém, não tomando partido cegamente, sem analisá-los em sua totalidade e, só compactuando quando houver honorabilidade honrosa!

Até as coisas nocivas, se analisadas com detalhes, podem nos ajudar no sentido de apreendermos, com Elas, a não cometer o mesmo erro que lhes deram a origem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário